quarta-feira, 4 de junho de 2014

JUDSON CABRAL DIZ NÃO A POSSIBILIDADE DE SER VICE, BOM PARA A ALE

Chegando cada vez mais próximo das eleições deste ano, os partidos já começam a se mobilizar em torno dos pré-candidatos lançados ao governo de Alagoas. Durante o dia de ontem (3) especulou-se o possível nome do Deputado Judson Cabral (PT) para ser vice na chapa de Renan Filho (PMDB), no entanto Judson já descartou a possibilidade e reafirma que será mesmo candidato a reeleição, que certamente é uma boa notícia para a Assembleia Legislativa tendo em vista o quadro atual daquela casa e sua representatividade diante da sociedade alagoana.
O Senador Renan Calheiros sabe que trazendo Judson para uma majoritária conseguiria numa tacada só um bom nome para ser vice de seu filho e acalmar petistas que exigem que o vice do Chapão seja do partido, mas pelo que parece a procura continua e não é nada fácil achar um bom nome no PT alagoano. Para Renan, o vice de seu filho seria o também peemedebista Luciano Barbosa, ex-prefeito de Arapiraca, formando assim uma chapa “puro sangue”, o que desagrada os aliados pelo tamanho do poder que o PMDB alcançaria de uma só vez. Já tendo o Presidente do Senado Federal, teriam agora o  Governador e Vice, todos do mesmo partido.
Com o deputado JHC entrando na disputa para Deputado Federal, a ALE perde uma das poucas vozes que ecoam naquela casa junto com Judson Cabral, não seria justo perde-lo também para ser vice, tornando-se quase um coadjuvante comparando com seus feitos ao longo de todos esses anos na ALE.
Sabemos que uma andorinha só não faz verão, esperemos então boas surpresas que se juntem a Judson Cabral, como também aguardemos algumas decepções para o Legislativo Estadual do ano que vem, até porque, isso faz parte do jogo, ou pior, quase que prevalece.
Estou no Twitter: @vanildoneto
                               @BlogPoliticaAL


Nenhum comentário:

Postar um comentário