quarta-feira, 10 de outubro de 2012

RESULTADO DAS ELEIÇÕES 2012


Chegamos ao fim de mais um processo eleitoral no Brasil, especificamente falando de Alagoas tivemos algumas novidades, surpresas e decepções. Alagoas, Estado pequeno, de cidades que muitas vezes só tinham uma candidatura para prefeito, de cidades que muitas vezes só tinham candidatos a vereador de uma única família... Eis nossa Alagoas.

Vamos aos resultados de algumas cidades...

MACEIÓ

Em Maceió deu a lógica das últimas pesquisas, com uma campanha muito equilibrada e organizada Rui Palmeira é eleito prefeito, derrotando Ronaldo Lessa que enfrentou durante toda campanha o processo de impugnação de sua candidatura que foi indeferida pelo TSE, tendo assim que no penúltimo dia das eleições, desistir da candidatura e indicar Jurandir Boia para a chapa do tenebroso CHAPÃO. Quem ganhou votos por incrível que pareça foram os candidatos Galba Novaes (PRB) e Alexandre Fleming (PSOL). Jeferson Morais amargou a 4º colocação caindo uma posição de todas as pesquisas divulgadas, a quem diga que a decadência de Morais na campanha se deu pela estratégia errada em atacar o candidato da base aliada Rui Palmeira, daí pra frente só foi cair. As urnas responderam.

RIO LARGO

Nem a polêmica investigação contra o prefeito afastado Toninho Lins fez com que o eleitorado tomasse alguma providência para dar a resposta nas urnas.  O povo de memória curta escolheu manter o até então prefeito investigado pela justiça no poder. O ex-deputado (taturana) Gilberto Gonçalves que ficou em 2º de ultima hora renunciou a candidatura lançando seu motorista para sua vaga, sabendo que teria a candidatura impugnada igual à de Lessa.  Ainda é cedo pra dizer que Toninho em janeiro assumirá a cadeira do Executivo municipal, onde o mesmo ainda não foi julgado pelos supostos crimes e digamos que sua vice não tem uma ficha muito diferente da dele. A prisão no começo do ano só surtiu efeito para os vereadores da cidade, com uma renovação de 80% da câmara municipal, apenas dois vereadores que foram presos conseguiram se reeleger, Rio Largo assim vai tendo uma mudança significativa na representatividade legislativa. Pelo menos assim esperamos que seja.

BOCA DA MATA

O presidente da Federação Alagoana de Futebol (FAF), Gustavo Feijó se aventurou no mundo político na cidade de Boca da Mata, e numa eleição apertada venceu Ricardo Jorge. Numa atuação ímpar ele conseguiu numa tacada só  plagiar a jingle de campanha de Rui Palmeira em Maceió e a dança do Biu de Lira nas eleições para Senador em 2010 (Veja aqui). Pelo visto deu certo a apelação.

MURICI

Murici reelegeu o prefeito Remi Calheiros, irmão do Senador Renan. Mas quem pensava que seria uma eleição fácil, viu o adversário, (o Vereador Cardoso) atingir uma boa parte do eleitorado insatisfeita com a administração do clã Calheiros. Ainda arrisco em já colocar Olavo Calheiros Neto (eleito vice-prefeito) como próximo candidato a prefeito, assim mantendo a Família dominante da gestão municipal da cidade da zona da mata.

BARRA DE SÃO MIGUEL

Na Barra o eleito foi o jovem Zezeco, com grande serviço prestado na cidade, derrotou a filha do deputado Cícero Ferro. Grande expectativa cerca essa futura administração já que com os recentes escândalos envolvendo a prefeitura, onde o ex-prefeito foi afastado e seu vice desistiu de assumir por encontrar um rombo sem tamanho e sem explicação na prefeitura.

ARAPIRACA

A deputada Federal Célia Rocha foi eleita, mesmo faltando ao debate promovido pela Tv Pajuçara nada abalou sua campanha. Logo no inicio era vista com muita expectativa o nome do radialista Alves Correia, mas sua campanha não resistiu às outras campanhas com um volume de recursos muito superior, o deixando apenas em 3º colocado, o 2º foi Rogério Teófilo. Quem mais comemorou a vitória de Célia Rocha, foi o ex-delegado Francisco Tenório, que em janeiro volta a ocupar a cadeira de deputado federal deixada por Célia, assim voltando a ter a absurda imunidade parlamentar que o assegura tranquilamente de seus processos judiciais.

PIRANHAS

Sem dúvidas foi o resultado que mais me surpreendeu, acharia que a atual prefeita Mellina Freitas conseguiria a reeleição fácil, fácil... Mas como eleição só se ganha no dia, fui surpreendido com a vitória do Doutor Dante. Não esperava.

As eleições deste ano deixou nítida uma coisa, pesquisa eleitoral não ganha eleição, várias eleições, tanto em Alagoas quanto no resto do Brasil mostrou isso. Rio Largo, Boca da Mata, Piranhas e tantas e tantas outras espalhadas pelo país são exemplos (citando rapidamente São Paulo). Os institutos de pesquisa estão perdendo a credibilidade, ou o povo está de certa forma “trollando” os políticos?

Essa pergunta vai  permanecer agora até as eleições de 2014. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário