quinta-feira, 30 de agosto de 2012

MAS PORQUE A PREFEITUTA DE MACEIÓ SE OMITIU NA GREVE DOS RODOVIÁRIOS?



Pois é meus amigos, passamos de uma semana da mais conturbada greve dos rodoviários em Maceió, greve essa que resultou em três dias de paralização prejudicando milhares de pessoas que nada tinham a ver com o acontecido, mas essa nova modalidade brasileira de “protestar” paralisando serviços públicos já virou uma triste rotina.

A greve passou, os rodoviários conseguiram seus aumentos depois que mudaram a estratégia do protesto, deixando de prejudicar o povo e partindo para prejudicar os empresários do setor, rodando normalmente apenas com as catracas livres para a população, depois disso os empresários aceitaram as reivindicações e entraram num comum acordo com os protestantes.                      

O que me deixa mais indignado não é ver sempre com mais frequência esses tipos de protestos por aumento salarial, reivindicação que acho até justa, porém não concordo com os meios utilizados para conquistar seus direitos, prejudicando quem já sofre diariamente com o transito e o transporte coletivo da cidade, mas sim a omissão da prefeitura de Maceió diante da situação vivida naquela ocasião e um único comunicado: “É problema da Justiça e da Transpal”. Ora, como responsabilizar a justiça por um problema de cunho municipal e de competência do gestor da cidade, esperamos uma sensibilidade maior daquele que representa o município e suas qualidades e deficiências, não apenas jogar o problema para outro setor como vemos nas repartições públicas. 


O que me faz acreditar ainda mais na omissão da prefeitura e do senhor prefeito Cícero Almeida é que a greve se tratava não apenas de simples rodoviários, mas sim dos maiores “patrocinadores de campanhas” políticas do Estado, os empresários do setor. Por isso vemos essa guerra contra e favor a esses preços da tarifa abusivos em Maceió (Uma das mais caras do nordeste) que ninguém nunca da jeito e fica como os empresários decidem, e agora com essa postura lamentável da prefeitura de pura omissão e desleixo diante dos desmandos impostos pelos "caciques" que só visão o bem estar do seus bolsos sem nenhum compromisso com a sociedade. 

 Pense bem, estamos em ano de eleição, é isso que você quer para sua cidade?

 Até a próxima greve!

Nenhum comentário:

Postar um comentário