sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

E ISSO PODE MPE?

Ontem (23) assistindo o Jornal da Globo atentei-me a uma reportagem que abordava sobre uma prefeita acusada de fazer propaganda eleitoral com os carros da prefeitura. A prefeita em todos os carros oficiais do município colocou as iniciais do seu nome e o número do partido (PMDB) nas placas dos veículos, o que é proibido por lei. A combinação AJQ significa Administração Jacira Querino que complementa a placa do carro com o número que se refere ao seu partido.

O Promotor público Regis Sartori salientou que deve ser respeitado o princípio da impessoalidade da administração pública, onde aquela letra/número da placa do carro não pertence ao prefeito mas sim pertence ao município.

Coincidentemente nesse carnaval que se passou muito foi questionado o slogan que o Prefeito de Rio Largo Toninho Lins usou para festa do município. Usando-se  da frase: “CARNAVAL 40 GRAUS” espalhada pelas principais ruas e avenidas do município. Tudo tranqüilo e em ordem se o partido do citado prefeito não fosse o PSB que é representado nas eleições pelo número 40, caracterizando-se assim propaganda eleitoral, pois deixa uma mensagem subliminar referindo o número do partido que o prefeito faz parte ligando ao município, onde se aproxima o pleito municipal de 2012.  

Agora o que nos reles mortais podemos fazer? Bom, minha parte eu fiz, mostrei o fato, agora só o Ministério Público Estadual pode efetivamente punir caso esteja contra a norma da lei. É bem verdade que em Rio Largo a promotora anda meio inerte para com a prefeitura, mas sempre acredito que a justiça tarda mais não falha.










Modelo do Outdoor



3 comentários:

  1. Boa matéria. Todo mundo sabe que é uma forma de propaganda, que o Toninho está fazendo, mas uma forma inteligente e muito criativa. Diferentemente do que houve em outra prefeitura, onde estamparam as iniciais e legenda. Em Rio Largo, usaram o 40° que faz alusão a legenda do atual prefeito. Considero uma forma válida, pois não é uma propaganda explicita. Inclusive muito bem citada na matéria como mensagem subliminar.

    ResponderExcluir
  2. Uma forma de propaganda sim, mas propaganda eleitoral e de forma errada. É uma festa do município e ele não pode se auto promover com recurso público.

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente acontecem muitas coisas erradas e deixamos passar ou fingimos que esquecemos. Sou revoltada com nossa política, a nível de Estado e país, principalmente. Tento fazer a diferença na hora do meu voto, mas cada vez essa situação piora. Existe amizade na política ou tudo é um jogo de quem oferece mais?? Para não me sujar ou me corromper, mantenho-me afastada, até onde posso e consigo. Prefiro esta a margem,mas corro atras dos meus dreitos. POLÍTICOS, VAMOS MENTIR MENOS E NOS PREOCUPAR COM A POPULAÇÃO, QUEM FAZ ERRADO SERÁ JULGADO POSTERIORMENTE E SE NÃO FOR É POR QUE A POPULAÇÃO TEM O REPRESENTANTE QUE MERECE.
    Há muita cara de pau...

    ResponderExcluir